Turismo

Turismo espera “aumento significativo” da procura internacional este verão

Junho 28, 2024 · 10:25 am
Imagem de Wirestock no Freepik

verão de 2024 é promissor para o turismo em Portugal. Os profissionais do setor esperam um crescimento significativo no emprego, na procura externa e na atividade turística. É o que mostra a 71.ª edição do Barómetro do Turismo do IPDT – Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo.

De acordo com este barómetro, o nível médio de confiança no desempenho do turismo atingiu os 84,2 pontos (numa escala de 100), o segundo valor mais elevado já registado desde abril de 2016, e um aumento em relação ao valor apresentado na edição anterior, de outubro de 2023. Este indicador e a recuperação do nível de confiança no setor pós-pandemia, desde maio de 2022, tem vindo a subir nas últimas edições, sempre acima dos 80 pontos.

Os profissionais também esperam que o investimento público diminua nos próximos meses. 80% dos respondentes acreditam que este indicador pode vir a manter ou diminuir o seu desempenho.

Mercado internacional está a crescer em todos os indicadores. Americanos aumentam representatividade

Os membros do painel deste barómetro estão confiantes relativamente ao crescimento da procura internacional, apesar de alguma incerteza gerada pelas eleições ou pelos conflitos internacionais. É o mercado internacional que deverá crescer mais em todos os indicadores.

7 em 10 respondentes consideram que o mercado externo vai registar um aumento do número de turistas, dormidas, receitas e RevPar durante este ano e nos próximos meses, acima da procura interna.

Na comparação com o verão passado, 84% dos respondentes acreditam que o mercado norte-americano vai aumentar a sua representatividade enquanto emissor de turistas neste verão, liderando no crescimento dos principais mercados emissores. 64% mencionam o Canadá, 66% o Brasil e 58% Espanha.

Por outro lado, o mercado português deverá estabilizar. Cerca de metade dos inquiridos acreditam que o mercado nacional vai registar aumentos das receitas e do RevPar este verão, face ao ano passado, e a mesma percentagem acredita que o número de turistas e dormidas se vai manter.

Pelo contrário, é esperada uma ligeira diminuição do mercado alemão este ano, apontada por 30% dos respondentes. Os mercados japonês, italiano e alemão deverão ter um desempenho semelhante ao do verão passado.

Setor do turismo pede alívio da carga fiscal

Aproveitando a tomada de posse do novo Governo, os participantes deste barómetro enumeram várias prioridades para o setor do turismo, com destaque para o alívio ou redução da carga fiscal, indicada por 60% dos respondentes, o que  já tinha sido alvo de destaque na “Agenda Turística 2024”, publicada pelo IPDT.

Mais de 40% dos inquiridos destacou a necessidade de decisão governamental em relação à localização do novo aeroporto de Lisboa.

Por outro lado, 31% consideram prioritário o reforço das campanhas e linhas de apoio para a promoção turística, de modo a fomentar a notoriedade. Igualmente importante é a retenção e captação de novos talentos (31%), através do aumento salarial, da melhoria das condições de trabalho e de outros benefícios.

Por fim, a aposta nas acessibilidades (apontada por 28% dos participantes) não deverá ser negligenciada, propondo-se um maior investimento nas infraestruturas aeroportuárias e ferroviárias em todo o país.

Este inquérito foi feito  entre 26 de março e 2 de abril de 2024, onde se obteve um total de 51 respostas válidas, de profissionais em funções de direção e administração em várias áreas que integram o setor do turismo.

Dicas

10 atividades ao ar livre perfeitas para as férias em família

Ideias originais para animar o seu verão!

Turismo

Proveitos totais do alojamento turístico subiram 12,2% até maio

Nos primeiros cinco meses do ano foram registados 11,3 milhões de hóspedes e 27,7 milhões de dormidas em Portugal.

Decoração

Como transformar um imóvel comum numa casa de luxo sem gastar muito

Saiba como criar um ambiente mais sofisticado em sua casa.

Leia mais

Dicas

10 atividades ao ar livre perfeitas para as férias em família

Ideias originais para animar o seu verão!

Turismo

Proveitos totais do alojamento turístico subiram 12,2% até maio

Nos primeiros cinco meses do ano foram registados 11,3 milhões de hóspedes e 27,7 milhões de dormidas em Portugal.

Decoração

Como transformar um imóvel comum numa casa de luxo sem gastar muito

Saiba como criar um ambiente mais sofisticado em sua casa.

Dinheiro

Preço mediano da habitação sobe 5% no 1.º trimestre para 1.644 euros/m2

Os preços de habitação mais elevados são em Lisboa, em Cascais e Oeiras.