Dinheiro

Quais as cidades mais caras para expatriados?

Junho 6, 2023 · 12:02 pm
Hong Kong/ Foto de bady abbas no Unsplash

Hong Kong é a cidade mais cara do mundo para trabalhadores expatriados, de acordo com o ranking divulgado pela consultora Mercer.  Lisboa ocupa a 117.ª posição, oito lugares abaixo do ano passado, e é a única cidade portuguesa a integrar esta lista.

Hong Kong mantém este ano a liderança do top das cidades com custo de vida mais elevado para trabalhadores deslocados, seguindo-se Singapura, que ascende seis posições. Três cidades suíças ocupam os lugares seguintes: Zurique, Genebra e Basileia. Nas dez primeiras posições, encontramos cinco cidades europeias: além das já referidas, estão Berna (7.º) e Copenhaga (9.º).

Lisboa desce oito posições

Lisboa ocupava, em 2022, a 109.ª posição, porém a sua “queda” não significa que o custo de vida esteja mais barato, bem pelo contrário. A posição no ranking depende de diversos fatores, como por exemplo, a taxa de câmbio, e a desvalorização do Euro face ao Dólar tem impacto nesta comparação.

No caso de Lisboa, apesar da subida significativa do custo da habitação, esta foi inferior ao crescimento noutros mercados, ou seja, comparativamente, o custo de vida desceu face a outras cidades. Considerando apenas o continente europeu, Lisboa é a 39.ª cidade mais cara para expatriados.

Metrópoles como Londres (17.º) e Amesterdão (28.º) desceram algumas posições, enquanto Nova Iorque ascendeu à 6.ª posição.

O ranking de 2023 compara o custo de vida em 227 cidades, avaliando mais de 200 itens como habitação, transportes, vestuário, alimentação, custos de saúde, entretenimento, entre outros. É elaborado para permitir que as empresas e governos comparem os custos da presença dos trabalhadores deslocados em determinada cidade e analisem as suas compensações.

Habitação

AM de Lisboa aprova venda de terreno à junta de Benfica para habitação acessível

Benfica vai construir 50 novos fogos de habitação acessível, no âmbito de uma candidatura ao PRR.

Habitação

Quem são os estrangeiros que compram casa em Lisboa?

Compradores internacionais são responsáveis pela compra de um terço das casas na ARU de Lisboa.

Empresas

Mercado de escritórios de Lisboa e Porto regista forte dinamismo

De acordo com a JLL, os níveis de absorção mais do que triplicaram em fevereiro, tanto em Lisboa como no Porto.

Leia mais

Créditos

Bancos devolveram 8,3 ME por comissões e juros indevidos

Reclamações de clientes bancários dispararam no ano passado.

Habitação

Loures vai ter 152 novas casas a custos controlados

O município constrói um projeto de habitação a custos controlados financiado pelo PRR. O montante do investimento ascenderá a cerca de 22 milhões de euros.

Créditos

Bancos só aceitaram um terço dos pedidos de fixação da prestação

O número de créditos à habitação em risco de incumprimento aumentou de forma significativa em 2023, segundo o Banco de Portugal.

Habitação

As casas mais baratas para arrendar em Portugal

Descubra oportunidades de norte a sul!