Dicas

Proteja a sua família: como fazer o Plano Familiar de Emergência

Janeiro 4, 2024 · 8:30 am
Image by vwalakte on Freepik

Para onde fugir se houver um sismo? Como encontrar os meus filhos numa situação de catástrofe? Pensar numa situação de emergência, como um sismo ou um fenómeno natural extremo, é difícil, mas, na verdade, todas famílias devem estar preparadas para enfrentar situações deste tipo.

Este é um daqueles textos que esperamos que seja totalmente inútil. Contudo, viver implica lidar com imprevistos que podem acontecer a qualquer momento.

Ter um Plano Familiar de Emergência é importante para garantir a segurança dos membros da família e a preservação dos seus bens em caso de catástrofe. Sobretudo, ajuda-nos a antecipar algumas questões em que nunca pensámos. Neste artigo, abordaremos passos práticos e medidas preventivas para ajudar as famílias a prepararem-se adequadamente.

Antes da Emergência: Medidas Preventivas

1. Conhecimento dos riscos locais:

Entre em contato com o Serviço Municipal de Proteção Civil para obter informações sobre os riscos específicos na sua área de residência e de trabalho. Identifique os perigos mais prováveis e saiba como se proteger.

2. Números de emergência:   

Coloque os números de emergência, como 112, bombeiros, polícia, proteção civil e serviços de saúde, num local visível e acessível, tanto em casa como no trabalho. Certifique-se de que todos os membros da família sabem como usar esses números corretamente.

Anotações
Imagem de Michael Burrows: https://www.pexels.com/pt-br/foto/agenda-intencao-anonimo-poltrona-7129034/

3. Estabeleça um Plano de Emergência Familiar:



  • Reúna-se com a família para discutir potenciais perigos, dentro e fora de casa e estabeleça um plano de emergência. Lembre-se de que uma catástrofe pode acontecer a qualquer hora, de dia ou de noite. Estude diversas possibilidades de acordo com as rotinas familiares.

  • Defina locais de risco dentro e fora de casa (por exemplo, junto a mesas de vidro, móveis altos e pesados, árvores, postes, etc.). Na evacuação de edifícios nunca utilizar os elevadores;

  • Estabeleça também quais os lugares seguros, de acordo com as diferentes possibilidades de catástrofe. Por exemplo, em caso de desabamento os locais que oferecem mais proteção: vãos de portas, debaixo de mesas sólidas ou vigas do imóvel.

  • Identifique as melhores vias de saída de sua casa;

  • Determine pontos de encontro, em caso de evacuação. Deve incluir a localização de dois pontos de encontro da família: o ideal é definir um lugar seguro perto de casa e outro, por exemplo, se a emergência ocorrer no período escolar.

  • Garanta que todos sabem como se comunicar em caso de separação. Para a eventualidade da sua família poder ficar separada, deve utilizar um ponto de contacto entre os seus familiares e amigos. Considere a possibilidade de perturbação nas comunicações telefónicas.


4. Segurança em casa:  



  • Para garantir a segurança de sua casa, realize inspeções regulares para identificar potenciais riscos. Repare fugas de gás e problemas elétricos.

  • Evite obstruir corredores, escadas e acessos que possam servir para evacuação.

  • Ensine a família, incluindo crianças, a desligar seguramente gás, eletricidade e água.

  • Fixe móveis pesados, prateleiras, estantes à parede. Não coloque espelhos, quadros ou móveis pesados junto às camas.

  • Extintor: Tenha um extintor em casa e verifique anualmente a sua validade. Aprenda as noções básicas de primeiros socorros.

  • Armazene produtos inflamáveis longe das fontes de calor.


Reparações
Imagem de Freepik

5. Prepare um kit de sobrevivência:

Tenha uma mochila/ kit de emergência contendo lanternas e rádios a pilhas (com pilhas extra), agasalhos, água e alimentos embalados para toda a família para pelo menos três dias.
Inclua também um estojo de primeiros socorros com itens essenciais, como luvas esterilizadas, soro, pensos, antissépticos, pomada para queimaduras, medicamentos que tome regularmente, entre outros. Também será bom ter tesoura e pinça e outros medicamentos de venda livre para alívio da dor e febre.

6. Animais domésticos:

Inclua os seus animais no plano de emergência, contemplando água e alimentação para eles no kit de emergência. Se não os conseguir levar consigo, liberte-os em caso de evacuação.

Kit de emergência
Imagem de Mikhail Nilov: https://www.pexels.com/pt-br/foto/adulto-assistencia-aviao-aeronave-8943191/

7. Auxílio a vizinhos e familiares

Considere os familiares, vizinhos e amigos que necessitem de auxílio na evacuação (pessoas idosas ou com incapacidades).

8. Outras Medidas Preventivas:



  • Documentação importante: guarde os documentos num local seguro e à prova de água. Faça cópias e compartilhe com familiares ou amigos.

  • Garanta que tem cobertura de seguro adequada (habitação, vida e saúde).


Seguro
Imagem de Andrea Piacquadio: https://www.pexels.com/pt-br/foto/homem-de-negocios-de-colheita-dando-contrato-para-mulher-assinar-3760067/

Durante e após a Emergência:



  • Avaliação racional: Mantenha a calma e avalie a gravidade da situação. Verifique ferimentos e aplique primeiros socorros se necessário. Peça ajuda se houver feridos graves.

  • Utilize lanternas a pilhas: não acenda fósforos nem ligue a eletricidade se suspeitar da possibilidade de fuga de gás. Se lhe cheirar a gás, desligue-o e saia imediatamente de casa.

  • Evacuação segura: Em caso de evacuação, se possível, leve os documentos essenciais, medicamentos, desligue os serviços essenciais. Ligue o rádio a pilhas e siga as instruções transmitidas pelas autoridades.

  • Atenção especial a crianças e jovens: Esteja ciente de que as reações emocionais das crianças são imprevisíveis. Mantenha a calma, forneça explicações adequadas à idade e ajude-as a expressar seus sentimentos.

  • Expressão de sentimentos: Reconheça as possíveis reações emocionais após uma emergência. Fale sobre o que aconteceu e, se necessário, procure apoio profissional para lidar com traumas.


A preparação familiar para emergências não é um tema em que gostemos de pensar, mas é uma responsabilidade. Seguindo estas orientações e ajustando-as a cada situação específica, as famílias podem melhorar significativamente sua capacidade de resposta em momentos críticos. Lembre-se, a prevenção e a preparação são as chaves para enfrentar os desafios que a vida nos apresenta.

Artes

Esculpidas para provocar: estátuas que geraram polémica

São provocadoras, arrojadas, incompreendidas: recorde as estátuas que causaram polémica.

Decoração

Jardins de encantar: o segredo para valorizar a sua casa

A decoração de espaços exteriores, muitas vezes pouco aproveitados, pode transformar aquele jardim ou varanda no trunfo capaz de maximizar a rentabilidade do seu imóvel.

Decoração

Feng Shui: ideias para harmonizar a sua casa

Sempre quis experimentar técnicas de Feng Shui mas não sabe como? Descubra alguns princípios que pode, com facilidade, aplicar em sua casa.

Leia mais

Construção

Reabilitação urbana cresce 2,7% em janeiro

A atividade dos empresários do setor cresceu em janeiro face ao ano anterior.

Decoração

O que nunca fazer em decoração: erros e opções de que te vais arrepender

Como fazer da nossa casa um cenário inspirador!

Créditos

Prestação da casa desce 4 euros para créditos com Euribor a 3 e 6 meses

Redução acontece pelo segundo mês consecutivo.

Construção

Vanguard investe 50 milhões em fábrica de casas em madeira

A nova unidade de produção da fábrica da Kōzōwood Industries terá capacidade para construir estruturas em madeira para três casas por dia.