Projeto Balcão Único do Prédio já identificou 1,5 milhões de propriedades

Junho 9, 2023 · 8:36 am
Foto de David Gor na Unsplash

O projeto do Balcão Único do Prédio (BUPi) já identificou 1,5 milhões de propriedades, o triplo da meta alcançada há um ano, anunciou hoje o Governo, adiantando que para este resultado contribuíram mais de 225 mil proprietários.

“Nos primeiros cinco meses de 2023, foram finalizados cerca de 500 mil processos, numa média de cerca de 95 mil por mês e mais de 20 mil por semana”, refere em comunicado o Ministério da Justiça.

Mais 64% de propriedades identificadas do que em 2022

O ministério adianta que este valor corresponde a mais de 64% das propriedades identificadas em 2022, observando que, “apenas em maio deste ano, foram identificadas mais de 115 mil propriedades, um novo recorde mensal”.

“Estes valores revelam que a procura do BUPi tem vindo a crescer, tornando possível aumentar a percentagem de área conhecida do território dos 153 municípios de Portugal continental sem cadastro, em termos de uso, ocupação e dominialidade, num processo colaborativo que integra várias fontes de informação”, salienta.

Segundo o Governo, esta percentagem é agora de 75%, registando um aumento de 7% face ao último valor divulgado em abril deste ano, por ocasião do evento “Mapear o Futuro – Encontro Anual BUPi 2023”.

Mais de 225 mil identificaram propriedades

Para estes resultados, contribuíram mais de 225 mil proprietários que identificaram as suas propriedades, de forma gratuita e sem aumento de impostos. Diariamente, mais de 900 técnicos habilitados registados prestam apoio presencial e assistido ao cidadão no âmbito do projeto.

“Resultado do contributo dos proprietários de terrenos rústicos, através da georreferenciação de propriedades no BUPi, foi já possível ultrapassar 20% de área de matrizes georreferenciada, em linha com o objetivo de atingir 30% de área identificada até ao final deste ano”, sublinha o Ministério da Justiça.

BUPi em 144 dos 153 municípios sem cadastro

O BUPi está presente em 144 dos 153 municípios que não dispõem de cadastro predial, nos quais os cidadãos podem identificar as suas propriedades, ‘online’ ou presencialmente num balcão do município, estendendo-se aos 308 municípios a componente de registo, garantindo, assim, os seus direitos de propriedade, além de contribuírem para assegurar uma melhor base de conhecimento do território.

Criado em 2017, enquanto projeto-piloto em 10 municípios, o BUPi tem alavancado a sua presença nos municípios sem cadastro predial desde o início de 2021, altura em que se deu início à expansão do projeto.

Atualmente, o BUPi está disponível em 144 municípios aderentes, com uma cobertura de cerca de 38 mil km2, onde residem mais de 4,3 milhões de habitantes, abrangendo cerca de 8,4 milhões de matrizes rústicas.

O BUPi é um projeto financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), integrado na área governativa da Justiça, em articulação com o Ambiente e Ação Climática e com a Coesão Territorial.

Fonte: Lusa

Construção

Setores da construção e imobiliário com “fraco arranque” de ano

Os indicadores da construção e do imobiliário revelam um “fraco arranque” no primeiro trimestre deste ano, anunciou a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas.

Dinheiro

Quais as cidades mais caras para expatriados?

Lisboa é a única cidade portuguesa no 'ranking' da Mercer que avalia 227 cidades, mas desceu oito posições face ao ano passado.

Balcão Único do Prédio já permitiu georreferenciar mais de 1,3 milhões de propriedades

O projeto do Balcão Único do Prédio já permitiu georreferenciar 1,3 milhões de propriedades nos 153 municípios nacionais que não dispõem de cadastro, anunciou a Ministra da Justiça.

Leia mais

Dinheiro

Rendas das casas sobem 7,1% em maio

Lisboa registou o maior aumento, de acordo com o INE.

Profissionais

Contagem decrescente para a V Conferência da Promoção Imobiliária

A Secretária de Estado da Habitação, Patrícia Gonçalves Costa, discursa no início da tarde na Conferência da Promoção Imobiliária.

Habitação

Porta 65 Jovem com novas regras de acesso

Presidente da República promulgou o diploma do Governo que alarga o acesso ao Porta 65 Jovem.

Habitação

Governo vai apresentar revisão da lei dos solos no próximo mês

A revisão da lei pretende acelerar respostas para criar mais habitação acessível e a preços controlados.