Luís Mário Nunes

CEO da ComprarCasa Portugal

Opinião

Investir em imobiliário com segurança

23 Novembro, 2023 · 17:07

É habitual ouvirmos dizer que a compra de casa é um dos maiores, senão “o” maior investimento da vida de uma pessoa.

É muito provável que assim seja; pelo peso no orçamento do agregado e pela importância social e familiar da decisão.

Assim, no momento de investir em imóveis é necessário estar atento a detalhes e saber como realizar as transações da forma mais segura possível. Por outras palavras, seja para uso próprio ou para verdadeiro investimento, é fundamental essa atenção, para garantir que o investimento seja o mais rentável possível.

Alguns dos aspetos que nos parecem relevantes são:





    • Calcular e considerar todos os custos envolvidos não só na compra como na eventual hipoteca, como impostos e custos de manutenção;

    • Analise o bairro e o seu potencial de valorização;

    • Esteja atento aos possíveis atributos, caraterísticas que possam valorizar o imóvel;

    • Confirme a reputação da(s) empresa(s) que esteja(m) envolvida(s) no processo, a promotora imobiliária, a mediadora imobiliária. Faça-se acompanhar de verdadeiros profissionais;

    • Perceba as oportunidades. Um imóvel pode ser facilmente valorizado através de pequenas obras de beneficiação, podendo ser adquirido com um valor menor de mercado;

    • Analise se será mais interessante comprar ou arrendar o imóvel;




E, por fim, caso seja uma situação clara de investimento para rendimento,





    • Realize uma projeção do quanto pretende faturar com a venda ou arrendamento mensal de modo a concluir qual a yield que se procura atingir.





"Ter junto de si um profissional imobiliário devidamente licenciado será sempre um motivo gerador de segurança e confiança perante a decisão de um investimento imobiliário."


Ter junto de si um profissional imobiliário devidamente licenciado será sempre um motivo gerador de segurança e confiança perante a decisão de um investimento imobiliário.

As Redes Imobiliárias são um ótimo exemplo disso mesmo. Quando chegaram ao nosso país, há que o admitir, trouxeram processos, procedimentos que, até então, eram desconhecidos e pouco valorizados no nosso mercado. Com estes, o mercado evoluiu imenso no que respeita ao profissionalismo e ao foco na prestação de serviço.

Hoje, a centralidade de todo o processo assenta no cliente e na capacidade de lhe apresentar um serviço holístico em toda a cadeia de valor.

Estando devidamente acompanhado por um profissional acreditamos que, em conjunto, investidor e parceiro, terão sempre em consideração:





    • Prestar atenção aos detalhes: o imóvel ideal para fazer um investimento vai para além do bem em si. É necessário perceber se o preço solicitado está acima ou abaixo do esperado e identificar o seu potencial de valorização. Também é interessante conhecer a vizinhança e as opções de comércio local, caso seja um imóvel residencial. Tudo isto é essencial para garantir uma rentabilização futura bem-sucedida. Tudo aspetos em que um profissional tem um papel muito importante pelo seu conhecimento da zona.

    • Avaliar a melhor maneira de pagar o imóvel e negociar: muitos são os casos em que o cliente necessitará de complemento bancário. Muitos dos profissionais imobiliários estão perfeitamente habilitados a prestar-lhe também este importante serviço financeiro. Por outro lado, ter um terceiro, sem qualquer apego sentimental ao bem em si, ajudará sempre numa melhor e profissional negociação de preço.

    • Examinar a estrutura da construção: são, por norma, aspetos muito técnicos que muitos de nós não dominamos e que devem ser avaliados antes da compra. Há que perceber se o imóvel necessitará de alguma remodelação. Para além de evitar eventuais problemas futuros, pode gerar uma boa base de negociação do preço.

    • Verificar a documentação: em todos os tipos de transação imobiliária, é muito importante analisar toda a documentação e também o histórico jurídico do imóvel. Estará em condições de ser escriturado? Com um profissional evitará surpresas de última hora.

    • Considerar os custos extras: é preciso ter em mente que o preço do imóvel vai além do preço de venda. Existem custos extras como, valor da avaliação, impostos e custos de financiamento (se for o caso).




Com a ajuda de verdadeiros profissionais, como os que fazem parte da Rede ComprarCasa, também poderá ter acesso a serviços de Análise Comparativa de Mercado. Ferramentas muito profissionais que ajudam a entender a evolução do mercado onde tenho interesse e que ajudam a posicionar a proposta a apresentar.

Em resumo, como um amigo costumava dizer, “negócio mediado, é negócio acertado”.

No momento de importantes decisões, consulte verdadeiros profissionais.

Destaques Casa Yes

Construção

Reabilitação urbana cresce 2,7% em janeiro

A atividade dos empresários do setor cresceu em janeiro face ao ano anterior.

Decoração

O que nunca fazer em decoração: erros e opções de que te vais arrepender

Como fazer da nossa casa um cenário inspirador!

Créditos

Prestação da casa desce 4 euros para créditos com Euribor a 3 e 6 meses

Redução acontece pelo segundo mês consecutivo.