Habitação

Guarda investe 40 ME na construção de 325 casas para habitação social

Junho 21, 2023 · 2:00 pm
Imagem do site da Câmara Municipal da Guarda

A Câmara da Guarda vai criar uma empresa municipal para gerir o investimento de 40 milhões de euros em habitação social com a construção de 325 casas, anunciou a autarquia. Nos próximos três a quatro anos, através da nova empresa “exclusivamente participada pelo município”, serão construídos 325 fogos para habitação acessível e social no concelho da Guarda.

Este investimento público foi aprovado na última reunião de Câmara Municipal, presidida por Sérgio Silva Costa, informou a autarquia em comunicado.

“Desse número, 225 estão em fase de preparação de candidatura e em articulação com o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) e a Comunidade Intermunicipal (CIM) das Beiras e Serra da Estrela”, adiantou.

Mais fogos no Programa 1.º Direito

Entretanto, segundo a nota, “cinquenta estão também em fase de candidatura no âmbito do Programa 1º Direito”, tendo em vista a “resolução de problemas” do Bairro da Fraternidade.

Ao abrigo do mesmo programa, mas para o centro histórico da cidade, estão projetados mais 50 fogos, “abrangendo edifícios já adquiridos” e outros que a Câmara “pretende vir a adquirir, estes ainda em fase de elaboração de candidatura”.

“Por não possuir meios técnicos e humanos suficientes para gerir este volume de investimento público em tão pouco tempo (…), foi proposto e aprovado na última reunião de Câmara a criação de uma empresa municipal”, esclareceu a autarquia.

Município aposta na habitação

Atualmente, o município da Guarda gere 45 fogos em regime de renda apoiada, 12 em regime de renda condicionada e 38 arrendados pelo regime geral.

Na última reunião, o executivo liderado por Sérgio Costa aprovou a minuta do acordo de colaboração entre o município, o IHRU e a CIM das Beiras e Serra da Estrela.

“A habitação é um dos principais vetores na aposta social (…) e por isso a Câmara da Guarda vai avançar com uma série de medidas por forma a que o acesso a habitação acessível e social seja, cada vez mais, um direito de todos e em especial dos que mais a necessitam, nomeadamente os jovens que escolhem o nosso concelho para estudar”, sublinhou.

Fonte: Lusa

Habitação

Inquilinos podem perder apoio caso senhorios se oponham à renovação para aumentar rendas

Oposição dos proprietários à renovação do contrato para poder aumentar a renda pode excluir inquilinos de apoio à renda, alerta a Deco.

Habitação

Medidas do “Mais Habitação” podem violar regras da proteção de dados

A Comissão Nacional de Proteção de Dados sugeriu a alteração de duas medidas do pacote legislativo "Mais Habitação", aprovado na generalidade.

Leia mais

Construção

Produção na construção abranda para 4,7% em fevereiro

Conheça os últimos dados revelados pelo INE.

Habitação

Parceria público-privada é receita para aumentar oferta de habitação acessível

Há interesse em investir em habitação acessível, todavia investidores pedem iniciativas concretas para poder testar novos modelos de parceria.

Habitação

Lisboa aprova loteamento municipal em Santa Clara onde prevê 265 habitações

Área de 20.981 metros quadrados é constituída por quatro lotes, dois dos quais destinados ao uso de habitação.

Dicas

Encarregados de Educação: Matrículas começam a 15 de abril

Saiba quais os prazos que deve cumprir!